sexta-feira, 4 de março de 2011

Amigos&agulhas

Postado por Djessyka às 17:55
Toda manhã eu tecia nas minhas agulhas alguns pontos que aos poucos tomavam a forma de um quadrado, posteriormente um retângulo e aumentava devagar. Na quinta-feira eu tecia durante tarde também. Eu não tinha prática com os pontos na agulha, mas com cuidado eu tentava não deixar que formassem nós. Um avesso, uma laçada, um avesso, uma laçada, e quando eu descuidava e voltava a olhar, via que entre meus avessos e laçadas havia um nó, uma falha. Eu podia muito bem continuar e deixar a falha, afinal, ela só iria aparecer pra quem olhasse de perto. Mas eu sempre tirava o pedaço de pano da agulha e desmanchava até chegar na falha, e depois, com cuidado, colocava de volta pelas laçadas já feitas. Eu nunca deixava minhas falhas descansando, eu voltava atrás, por mais que fossem pequenas, por mais que dessem trabalho pra desmanchar e tecer novamente as fileiras perdidas. Hoje eu vejo que meus pontos, que antes ficavam tão juntos e perfeitos estão desfiando. Um deles tive que desmanchar bastante, o suficiente pra alcançar o Rio Grande do Sul, e apesar da distância, ainda está preso ao meu retângulo, que fica cada vez menor. Talvez não solte. Outros estão quase arrebentando, eles voltam pra dar um nozinho, mas a lã não fica perfeita novamente, o nó fica aparecendo. Algumas já arrebentaram e eu não vou sair por aí tentando achar a outra ponta pra amarrar de volta. Uma delas não desmancha, bem, os avessos e as laçadas ainda estão perfeitos, exatamente da maneira que eu teci.





09/12/2013: O ponto perfeito arrebentou.

3 comentários:

Raissa Bittencourt disse...

adorei seu blog

Francielle disse...

Bem.. eu acho que às vezes os pontinhos que estão longe, podem estar apenas em distância, mas pode ter certeza, que o pontinho aqui (?)pensa todas os dias em como seria se todos pudéssemos jamais deixar os paninhos dos outros, sem magoá-los ou sem acharem que esqueceram que o paninho existe...
Ah, e sim! Eu me lembro sempre do seu paninho, e quero estar no seu paninho por muito e muito tempo!
(:

amo-te ♥

Anônimo disse...

Não acho que todas as vezes você desmanchou tudo para desatar o nó. Penso que você sempre segue em frente fingindo que ele não está lá e espera que os outros venha a desfazê-lo por ti, e se não vierem você continua bordando como se nada tivesse acontecido. Hora usa todas as linhas, mas ultimamente tem usado uma exclusiva, esta ainda forma um pequeno pedacinho se comparado com as outras. Reveja teus nós.

Postar um comentário

 

Bela Sopa Template by Ipietoon Blogger Template | Gadget Review